Sentimos muito mas seu browser não é suportado pela Marsh.com

Para uma melhor experiência, por favor faça o upgrade para um dos seguintes browsers:

X

Seu Blog de Wellness

Compensação Extra na Época de Natal

Por Gustavo Taborda Sexta-feira, Dezembro 21, 2018

O mês de dezembro chegou e em quase todos os países da América Latina é nesta época que ocorre o pagamento de compensações extraordinárias no salário normal de milhões de trabalhadores.

Esta compensação adicional, protegida em muitos casos pela legislação trabalhista de cada país, pode acontecer por diversos motivos, mas em termos gerais os dois objetivos principais são:

•    Promover a participação do trabalhador nos lucros da empresa.
•    Reconhecer o esforço por alcançar os resultados da empresa.

No entanto, em muitos casos, esse benefício, que representa uma renda extra, não é utilizado adequadamente para fortalecer as finanças familiares e acaba sendo diluído em pequenas micro despesas também conhecidas como despesas “formigas”.

Por isso queremos dar alguns conselhos para que você ou os funcionários da sua empresa utilizem racionalmente este incentivo econômico e comecem o ano com tranquilidade financeira para que possam dormir em paz.

Garanta a sua tranquilidade: antes de começar a gastar, reserve alguns minutos para analisar a sua situação econômica atual e determinar as obrigações financeiras mais relevantes, em termos de juros bancários. Tente fazer uma poupança extra ou pagar de forma a liberar um fluxo de caixa mensal que permita que você viva mais tranquilo.
Primeiro, o seu bem-estar: a sua saúde e a da sua família não são uma despesa, são um investimento que se traduz em bem-estar para todos. Talvez este dinheiro extra permita que seus filhos realizem um tratamento odontológico, que com seu salário habitual não pode pagar ou pagar uma checagem médica relativa a alguma doença para a qual você não tenha prestado a devida atenção.

Sua casa, seu maior investimento: tudo o que você conquistou em sua vida está dentro de sua casa, incluindo seus familiares e até seu animal de estimação. Por isso investir na quitação dela ou em fazer reformas que melhorem a qualidade do tempo que passam nela é uma ótima opção. Além disso, este é um investimento não perecível, isto é, apesar da passagem do tempo, você poderá continuar desfrutando da satisfação e bem-estar que ela vem gerando desde o primeiro dia.

Poupe ou invista: se você tiver suas necessidades básicas cobertas ou não precisar gastar toda essa renda extra, lembre-se de que uma excelente ideia é poupar para épocas de "vacas magras" ou investir em algum produto financeiro que possa ter bom retorno e multiplicar o valor representativo do seu dinheiro.
Estas são apenas algumas das recomendações para fazer uma gestão financeira assertiva desta renda extra, certamente no mercado se encontram muitas alternativas que podem funcionar bem conforme o seu perfil financeiro e sua etapa de vida. De qualquer forma, lembre-se da importância de pensar em longo prazo e não só nas festas de fim de ano.

Anterior

Construir o Caminho para um Envelhecimento Saudável

Por Rosemary Duran Terça-feira, Setembro 25, 2018